Santuário Eucarístico Diocesano do Sagrado Coração de Jesus

Cidade: Ibaiti / PR

Conhecendo o Santuário

Na década de 40, século passado, quando o atual município de Ibaiti, ainda comarca de Tomazina, se preparava para a sua emancipação política, a Paróquia do Sagrado Coração de Jesus era fundada. Os primeiros padres Capuchinhos e padres Lazaristas conduziam os trabalhos paroquiais em uma pequena igreja de madeira que depois deu lugar à Igreja Matriz onde hoje é o Santuário.

A construção da Matriz iniciada na década de 50 pelo Pe. Estevão Szulk (in memoriam), se estendeu por mais oito padres até o seu término. A partir da década de 80 os padres diocesanos assumiram a Paróquia dando continuidade aos trabalhos. O processo de criação do Santuário do Sagrado Coração de Jesus de Ibaiti, deu-se na comemoração do Ano Jubilar 2008-2009 por ocasião dos 50 anos da inauguração da Igreja Matriz. Nesta época já se idealizava a elevação da Igreja ao título de Santuário, sendo Pároco o Pe. Benedito Vieira Neto (in memoriam).

Com a posse do Pároco Pe. Jorge da Silva iniciou-se os preparativos para a instalação do Santuário. Em 19 de julho de 2009, durante a Solenidade Eucarística do encerramento do Ano Jubilar, o Bispo Diocesano Dom Fernando José Penteado recebeu o pedido oficial para este fim. E assim, na Solenidade de Cristo Rei, em 22 de novembro de 2009, aconteceu a criação e instalação do Santuário Diocesano do Sagrado Coração de Jesus, sendo empossado o Pároco Pe. Jorge da Silva como primeiro Reitor do Santuário.

O Santuário foi se estruturando e no dia 19 de junho de 2010 foi integrado à Rota do Rosário.

Prenúncio, carisma e missão

O carisma do Santuário, a devoção dos fiéis, o fervor das orações e as graças do Pai prepararam o caminho para a elevação à Santuário Eucarístico. No dia 19 de junho de 2011, na concentração diocesana dos Ministros da Comunhão Eucarística, em solene liturgia presidida pelo bispo Dom Antonio Braz,  foram depositadas no altar as relíquias de S. João Eynard,  patrono dos congressos eucarísticos da Igreja Católica , também considerado pelo Santo Padre o Papa Pio XII o campeão da eucaristia.

Neste dia, na hora da homilia, com palavras efusivas o bispo disse: “o Espírito  Santo fala em meu coração  que aqui  será um Santuário  Eucarístico que vai irradiar graças e bênçãos para toda diocese.”

Assim, para que nunca faltasse as  bênçãos do amado Coração de Jesus, por iniciativa de Dom Antonio Braz Benevente,  em 22 de julho de 2012, o Santuário Eucarístico Diocesano do Sagrado Coração de Jesus  foi elevado.

Desde então a missão do Santuário foi se expandindo e a devoção ao Sagrado Coração de Jesus vem cada vez mais aumentando.

Casa do Rei na Rainha das Colinas

Ao chegar à praça que abriga o Santuário você encontrará um templo majestoso que impressiona pela sua arquitetura, um misto de estilo neogótico e neorromânico (do final do séc. XIX e início do séc. XX) que expressa leveza espiritual.

A torre pontiaguda de 62 metros chama a atenção e faz o visitante elevar os seus olhos em busca das alturas. A imagem branca e suave do Sagrado Coração de Jesus sobre uma cúpula da torre representa a acolhida a cada visitante. Dentro da torre, próximo a ápice, encontra-se um sino dos anos 50, época da inauguração da Matriz, que é sempre tocado pelo sacristão para o chamamento dos fiéis às Celebrações Eucarísticas.

O átrio, com a imagem de São Miguel Arcanjo, os seus arcos e colunas em estilo neorromânico preparam o visitante para adentrar o Santuário e se deparar com um ambiente agradável, com suave iluminação, propício para a oração e adoração.

A porta magna decora a entrada e traz a inscrição do ano da misericórdia: “Se alguém entrar por mim será salvo (Jo 10,9).” Internamente a capacidade é para 340 pessoas sentadas e em eventos externos junto à praça o Santuário comporta 740 pessoas.

A nave esquerda, próxima à entrada, abriga a lápide com os restos mortais de Pe. Estevão Szulk, que muito trabalhou para a construção da Igreja Matriz. Junto está a imagem de Santa Rita de Cássia.

Escadas de metal, acima da lápide, conduzem ao coro alto e à torre. O espaço interno do Santuário contém vários símbolos que retratam a caminhada histórica do povo de Deus até a formação da Igreja de Jesus Cristo. Desta forma visualizamos no entorno do templo os 12 arcos que simbolizam os 12 pórticos de Jerusalém, as 12 tribos de Israel e os 12 apóstolos. Os dois arcos do presbitério acima do altar representam a 1ª e a 2ª aliança com Deus.

No espaço da assembleia, nas paredes da direita e da esquerda, doze lindos vitrais retratam as imagens do Sagrado Coração de Jesus, de Nossa Senhora das Graças, de Apóstolos e Santos, todos convidativos à meditação.

Distribuídas pelo Santuário, seis imagens de gesso da década de 50, recentemente restauradas, representam as devoções ao Sagrado Coração de Jesus, à Virgem Maria e aos Santos.

O lugar especial do Santuário visitado diariamente pelos fiéis é a Capela da Adoração do Santíssimo Sacramento que fica exposto das 6 horas até as 18h30, exceto nos horários de celebração. Num canto especial, a imagem de Nossa Senhora Aparecida representa a presença da Mãe junto ao Filho que não se cansa de se oferecer, dia e noite, a todos que o buscam no Sacrário e na Hóstia Consagrada.

Na parte externa do Santuário encontra-se o espaço para a queima de velas e a Ermida da Mãe Rainha junto a um lindo jardim, espaço silencioso e apropriado para a oração e meditação.

Programação

Religiosa

Missa todos os dias da semana
Domingo –  7h30, 9h30 e 19h;
Segunda, terça, quinta e sexta-feira –  19h30;
Quarta-feira –  15h com a Novena do Perpétuo Socorro;
Sábado –  9h (Missa das Crianças) e às 19h.

Procissão com a imagem do Sagrado Coração de Jesus (toda primeira sexta-feira de cada mês às 18h).
Celebração e Adoração do Santíssimo Sacramento – terceiro domingo de cada mês às 15h.
Missa de Consagração das Famílias – segundo domingo de cada mês às 19h30.
Concentração Diocesana do Apostolado da Oração – primeiro domingo de Junho.
Novena das Mãos Ensanguentadas de Jesus às segundas-feiras no Tempo Pascal.
Novena e Festa Religiosa do Padroeiro no mês de junho.

Social

A festa do milho verde e da batata recheada acontece no segundo final de semana do mês de junho.

Contato

Escritório Paroquial e agenda para visitas:  segunda a sábado, das 9h às 11h30 e das 13h30 às 17h.
Atendimento de Confissões e Direção Espiritual:  terça a sábado, das 9h às 11h e 14h às 17h.

O Santuário Eucarístico Diocesano do Sagrado Coração de Jesus está aberto para receber você e sua família com muita alegria e gratidão.

Venha visitar o Santuário que está localizado na Praça Pe. Estevão Szulk, s/n – Centro – Ibaiti/PR – CEP.84.900-000
Telefone:(43)3546-1061
E-mail: santuariosagradocoracao@hotmail.com


Galeria de Imagens

Clique nas imagens para ampliar: